top of page

Cultivando a Prudência Interior: Desenvolvendo uma Vida Plena e Consciente na Teoterapia

Atualizado: 10 de jul. de 2023

Dentro da Teoterapia, utilizamos a Bíblia como modelo e seus princípios ali expostos, trazendo uma leitura prática para o nosso dia a dia, a fim de superarmos as dificuldades psíquicas decorrentes de traumas, pensamentos negativos e aprendizados equivocados.


Na parábola das dez virgens descrita em Mateus 25:1-13, são apresentados dois tipos de pessoas: as néscias e as prudentes. "Néscio" é um adjetivo com conotação negativa, que descreve alguém desprovido de conhecimento, discernimento, estupidez, ignorância, falta de aptidão, incompetência, incapacidade ou inaptidão, além de falta de sentido e coerência, absurdo. Na gíria popular, seria alguém bronco, lerdo, que perdeu a razão, louco ou insano. Resumidamente, podemos dizer que é o oposto do bom senso.


Podemos citar como exemplo a mulher de Jó, que agiu como uma néscia: "Então sua mulher lhe disse: 'Você ainda mantém a sua integridade? Amaldiçoe a Deus e morra!' Ele respondeu: 'Você fala como uma insensata. Aceitaremos o bem dado por Deus e não o mal?' Em tudo isso Jó não pecou com os lábios" (Jó 2:9,10).


Os néscios, insensatos, não conseguem manter uma rotina de vida, pois são pessoas que não sabem perseverar. Mesmo que cometam falhas em alguns momentos, acabam perdendo seu foco, suas metas e objetivos, e consequentemente abandonam os hábitos bons, retomando os maus hábitos.


Em nossa vida, é importante reservarmos tempo para estarmos sozinhos, com Deus e com a família, para leitura, cursos e para o nosso próprio desenvolvimento. Devemos ser capazes de identificar as prioridades em cada um desses momentos.


Sem prioridades, não conseguimos ir além do comum e do regular. Sem prioridade para a família, enganamo-nos ao estar fisicamente no mesmo ambiente, mas não no mesmo coração, sem os mesmos sentimentos. Sem prioridade para nós mesmos, não sabemos dizer "não", não expressamos nossas opiniões e reclamamos por não sermos ouvidos.


Dificilmente nos preparamos para o futuro quando estamos preenchidos com o imediatismo, o egoísmo e a falta de preparo. Logicamente, a falta de rotina com Deus nos leva à carência e à ausência de propósito.


Não se aprende a lutar, não aprende o caráter idôneo, não entende a diferença entre planos, propósitos e vontade própria.


Em uma Sessão de Teopsicoterapia poderíamos desenvolver a Prudência Interior, cultivando a Prudência para uma Vida Plena e Consciente.


Vamos começar definindo o que entendemos por prudência. Ela se caracteriza por ser cautelosa, sensata e ajuizada, evitando situações perigosas. A prudência nos orienta a nos prepararmos antecipadamente para os desafios da vida, tomando decisões ponderadas e cuidadosas.


Sendo assim autorreflexão é muito necessária: como você compreende a prudência em sua vida? Existem momentos em que você acredita que a prudência foi útil ou que sua ausência causou dificuldades?


Identificando os Sinais de prudência, e um homem prudente sabe ser atento aos sinais, sendo necessário desenvolver uma maior consciência das mensagens que a vida lhe envia. Explore como agir com prevenção diante das situações que podem apresentar, aprendendo a discernir o que é benéfico e seguro.


Construa uma Rotina Consciente, onde a prudência também está relacionada à manutenção de uma rotina equilibrada. O homem prudente reconhece a importância de Deus em sua vida e busca a harmonia entre suas responsabilidades diárias e sua espiritualidade. Busque como integrar a busca por Deus como rotina, mantendo uma conexão constante e fortalecedora.


Essa rotina deve ser ressignificada, por exemplo, identifique uma atividade diária em que você possa inserir momentos de conexão com o divino. Pode ser um momento de meditação, leitura espiritual, oração ou qualquer prática que lhe permita se reconectar com o sagrado.


Um aspecto essencial da prudência é manter uma reserva interior. Isso significa nutrir nossa fé e sabedoria espiritual, permitindo que tenhamos recursos emocionais e mentais para enfrentar os desafios da vida. Cultive essa reserva interior, alimentando-nos constantemente de fontes positivas e inspiradoras.


Por último, liste algumas práticas que você considera nutritivas para sua vida espiritual. Pode ser a leitura de textos sagrados, participação em grupos de estudo, envolvimento em atividades comunitárias, entre outras.

Desejo a todos uma ótima semana na Graça.


Valcelí Leite - Nascido em Assis, São Paulo, e atualmente residente em Marília há doze anos, brasileiro. Ele tem sido presidente da ABRATHEO desde 2023 até o presente. Possui graduação em Fisioterapia e é pós-graduado em Acupuntura pela CEATA. Também possui pós-graduação em Terapia Familiar Sistêmica pela Faculdade Iguaçu-PR, Cognitive Behavioral Therapy pelo CBI/Miami-US e Terapia Cognitivo Comportamental pelo Centro Universitário Celso Lisboa/RJ. Além disso, possui um MBA em Teoterapia e Competência Emocional pela Adverbum/PR. Atualmente, atua como Teospicoterapeuta, trabalhando com casais e famílias que enfrentam problemas temporários e precisam de orientação. Ele ministra palestras em todo o Brasil, abordando temas como Educação de Filhos, Internet: um território a ser descoberto pelos pais, Vida Conjugal e A ciência do bem-estar - Evitando a Ansiedade. Anteriormente, ele ocupou o cargo de Superintendente na instituição filantrópica I.E.A.R.C. por 17 anos, onde implantou e gerenciou filiais da instituição em várias regiões do Brasil. Possui experiência na gestão de treinamento de liderança, formação de equipes e palestras motivacionais em quatro estados brasileiros e mais de 30 cidades. Ele também participou e apresentou vários programas de rádio e TV em São Paulo e Salvador. Em Assis, ele implantou uma rádio comunitária e também produziu e gerenciou eventos de grande porte, com mais de 800.000 pessoas, cuidando da divulgação e contratação de prestadores de serviços para esses eventos.

ABT 1.0010-SP

YouTube: @ValceliLeite

Facebook: ValceliLeite

80 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page